Consumo de Energia Elétrica – 16 Abril, 2022

A sustentabilidade não é uma questão de marketing, ou uma moda, é uma necessidade real de reduzir as emissões de carbono que emitimos e de ter um planeta melhor e é por isso que a SIMAB reforça o seu compromisso com a sustentabilidade.

Em linha com metas nacionais, a MARF tem vindo nos últimos anos a promover a dinamização, e dando impulso a medidas que fomentam a redução dos consumos de energia elétrica, através da eficiência na utilização dos recursos em todos os espaços sob sua gestão.

O consumo de energia elétrica é indissociável da atividade do Mercado Abastecedor, constituindo representando 9% da despesa associada a fornecimentos e serviços externos da empresa.

O desempenho do MARF em matéria de energia tem sido de tendência de diminuição dos consumos com exceção do ano de 2020; no entanto, em 2021 retomou-se a tendência decrescente no consumo de energia face ao ano anterior.

Assim em 2021, observou-se um decréscimo de 17% no consumo de energia, atingindo 1.110 GJoules.

Segundo o operador e fornecedor de eletricidade no MARF, 42% da energia elétrica tem origem em fontes de energia renovável.

No âmbito da eficiência energética, seja em função do volume de negócio como relativamente à superfície total comercializável (STC), pode constatar-se que o MARF está mais eficiente. Ou seja, por cada unidade de milhar de euro vendido e por cada unidade de STC a MARF necessita de menos energia.

2022-04-20T09:50:34+00:00 Abril 16, 2022|